quarta-feira, 28 de março de 2012

Viagem Itália -> Portugal em PiperSport

Não posso deixar de homenagear o SportCruiser/PiperSport, o tipo de avião que costumo utilizar para captar as imagens aéreas deste blog. E a forma de o fazer é descrevendo sumariamente uma bonita viagem invernal que fiz nele há uns dias atrás de Itália para Portugal. Inicialmente previsto para ser realizado em 3 etapas, o trajecto acabou por ser feito em 4, devido aos fortes ventos contrários encontrados no Norte de Espanha, obrigando a uma escala e pernoita involuntária em Salamanca. Descolámos de Carpi (Modena) no dia 16-03-2012 às 14:00h depois de almoçar no aeródromo local, e voámos sem parar até Avignon. Na manhã seguinte continuámos até Biarritz, onde almoçámos. Nessa tarde apenas atingimos Salamanca. No domingo 18-03, às 11:05 aterrávamos em Alqueidão, o nosso destino final. Foram necessárias 14h10m de voo.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
1 - O Trajecto Carpi-Budrione (LIDU) --> Alqueidão com os pontos de passagem (waypoints) assinalados a amarelo e as escalas a azul:
LIDU->GEN->ABN->STP->OB->LFMV
LFMV->LFTW->LFMT->LFNP->LFCK->LFBF->LFBP->LFBZ
LFBZ->LESO->LEVT->LEBG->LEVD->LESA
LESA->LPSR->Alqueidão

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
2 - O PiperSport de matrícula checa OK-RAL no aeródromo de partida, Carpi-Budrione (LIDU), próximo de Modena. O motor foi posto em marcha às 14:00 de 16-03-2012.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
3 - Os Alpes Marítimos a 8500ft, após a passagem por Génova, que não foi possível ver devido à espessa camada de núvens. Últimas imagens de Itália e primeiras de Fraça.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
4 - Próximo de St. Tropez, onde finalmente a camada de núvens se dissipava dando lugar a um tímido sol de fim de tarde.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
5 - O autódromo e aeródromo de Le Castelet, palco de corridas de F1.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
6 - Última perna do trajecto até Avignon.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
7 - Final da primeira etapa: Após 4:00 horas de voo, o PiperSport na placa Foxtrot do aeródromo de Caumont-Avignon (LFMV) ao lado de um veloz Piper Malibu. Abastecimento do avião e:
- Bistrôt (steak tartare)
- Boulôt (preparação dos voos do dia seguinte)
- Dôdôt (descansar bem, pois o dia seguinte será longo)

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
8 - Dia 2 - Sobre as núvens a 6500ft de Avignon até Biarritz, com o George activado. O eficiente piloto automático escravizado ao GPS permitiu-nos viajar pelo céu fora de braços cruzados.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
9 - Encontro a 6500ft com um colossal Airbus A380, acabadinho de descolar do aeroporto de Toulouse-Blagnac (LFBO).
David contra Golias.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
10 - Chegada a Biarritz (LFBZ) após 3h40m de voo. Almoço e abastecimento do OK-RAL para a seguinte etapa.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
11 - Saint-Jean-de-Luz logo a seguir à descolagem de Biarritz; a última localidade francesa antes de entrar na Península Ibérica.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
12 - San Sebastián, a primeira cidade de Espanha.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
13 - Espanha recebeu-nos com muito mau tempo e fortíssimos ventos contrários, impossibilitando alcançar o destino na tarde de sábado. Em 3h50m de voo progrediu-se apenas cerca de 400 kms, obrigando a inserir uma etapa intecalar no aeroporto de Matacán em Salamanca (LESA) para passar a noite.
De Espanha ..., nem bom vento, nem bom casamento.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
14 - Descolando de Matacán (LESA) às 09:25h hora espanhola do domingo, por volta das 10:00h hora lusa alcançava-se finalmente Portugal, entrando pela região de Castelo Branco. Nesta imagem, a Barragem de Idanha debaixo da asa esquerda. Já só faltava cerca de uma horita para o destino.

Viagem Itália-Portugal em PiperSport
15 - Às 11:05 hora local de domingo, e após 2h40m de voo nesta última etapa forçada, aterragem no campo de voo de Alqueidão com a sensação de missão cumprida.

...

11 comentários :

  1. Experiência fantástica e inesquecível.
    Parabéns!

    ResponderEliminar
  2. É verdade, Marciano e Susana, verdadeiramente inesquecível ...

    ResponderEliminar
  3. Que fixe! viajar assim tão rapidamente
    espectacular!

    ResponderEliminar
  4. Este blogue bem que merecia um livro.
    Aposta nisso Duarte. Adorei.

    ResponderEliminar
  5. Parabéns Duarte! Excelentes imagens e comentários! :)

    ResponderEliminar
  6. boa noite
    quanto foi +- o custo da viagem se puder dizer claro, falo mais a nivel de taxas, porque a nivel de combustivel deve ser praticamente o mesmo para qualquer ultraleve

    ResponderEliminar
  7. 18 litros de gasosa cada hora de voo (cerca de 250 litros), Bruno, e em taxas ficou mais ou menos pelos 75,00€.
    Como vês, não é tão caro assim ...

    ResponderEliminar
  8. eu ando a tirar tambem o curso de ultraleve, mas ja desde outubro que não vou voar, tenho andado com preguiça, mas ja ia na parte das viagens, claro que agora ainda vou demorar ai uns 10 ou 12 voos

    ResponderEliminar
  9. As imagens são espetaculares e de cortar a respiração.

    ResponderEliminar

 
Google+